Bem vindo(a) ao Portugal Paranormal! Para aceder a todo o conteúdo do fórum registe-se ou, caso já seja membro, faça o login. Obrigado!
[x]

  Páginas:   Ir para o fundo
  Tópico: Será que encontrei a minha vida passada? (1613 visualizações) Fevereiro 02, 2016, 03:02:07
Avançado
**


Mensagens: 138
Apreciações: 250
Referidos: 0

Shame On The Night
» em: Fevereiro 02, 2016, 03:02:07

Bem isto vai ser uma longa história, não se sentem, deitem-se!  Grin
Eu há bem pouco tempo não acreditava nada dessas historias de vidas passadas, achava sem sentido, mas há várias coisas inexplicáveis na minha vida (que podem até não ser nada) que me fizeram pensar o porquê de se passarem. E então comecei a investigar mas nada demais. Ninguem á minha volta acredita muito nisso, e dizem para não pensar. Só um amigo meu, que tem o dom de fazer regressão sozinho, é que fala comigo dessas coisas. Eu juntei as peças todas, até num tom de brincadeira ás vezes, do género: eu devia fumar muito noutra vida porque sempre tive muitos problemas em respirar nesta vida.  Tongue
Vou colocar por tópicos as coisas que serviram de base na procura pela vida passada com base em coisas que são apenas desta vida, nada de regressões:

- Nasci com cabelo ruivo e olhos claros, depois milagrosamente passou para loiro e olhos castanhos claros. Podia ser aceitavel, se tivesse ruivos ou loiros na familia, ou se o meu cabelo fosse espesso como toda a gente mesmo sendo loiro. Mas não, todos na minha familia são morenos de pele e têm cabelo e olhos bastantes escuros. Ambos os lados têm cabelo espesso e não fino e loiro como o meu.  A minha mae chegou até a comentar isso com uma pessoa recentemente. Que era muito estranho etc... As pessoas nao me associam aos meus pais. Quando me veem dizem: ahh, é loira, a que lado da familia sai?  Resposta da minha mae: nenhum! (calma não sou adoptada porque tenho semelhanças fisicas de ambos os lados da familia, sou claramente da familia) Oh bem, mas como a genética é estupida até deixei passar. Mas tambem poderia ser algo trazido de outra vida, dizia eu ao meu amigo quando falavamos disto.

-Jeito para o Desenho/Escrita/música: Jeito para o desenho é a coisa mais incomum possivel. Todos desde sempre na familia desenham mal. De repente apareço eu e surpresa! Eu era uma criança muito "especial", mas só sei disso agora que olho para trás e vejo que os outros nao eram como eu nem pouco mais ou menos. Não andei no infantário, entrei diretamente para a escola. A professora mandava desenhar, eu ficava triste e pensava:"Bolas! Estes desenhos do livro são tão bonitos, e eu nao consigo fazer igual porquê? Recuso-me a fazer coisas tortas. Os meus colegas só fazem "macacos", parece que não têm consciencia da feiura do que desenham!" Então comecei em pouco tempo a desenhar melhor do que gente adulta. A professora da primaria (e outro mais profs do basico) falou com a minha mãe e disse que eu tinha um dom para o desenho, e perguntou: Quem da familia tem esse dom? A quem ela sai?   A minha mãe: a ninguem, é só ela mesmo que consegue. / O jeito para a escrita e música está um pouco ligado. Eu como sempre detestei a musica da actualidade, escrevia desde sempre (desde que sabia escrever) letras de músicas inventadas por mim, em papeis que me viessem á mão no momento da inspiração. Tambem escrevo muitas prosas e poesias, e os meus antigos professores de português chegaram a dizer que eu tinha um dom para a escrita (e eu a olhar para eles com cara de espanto  Tongue ). Assim como o professor de musica disse que tinha bom ouvido porque antes de ele dar as pautas, eu ja estava a tocar a musica que ele tocava em piano, só de ouvido, era extremamente fácil para mim. bla bla bla seguinte! 

-Sempre tive um carinho por dança, embora nem queira tentar e nao tenha jeito. Mas pensei: será que eu praticava dança noutra vida? Nã, não me parece... Talvez a minha mãe de outra vida tivesse algo relacionado com isso. E contei ao meu amigo tambem isso.

-A crise do Badminton: Não gosto muito de desporto em geral. Mas uma coisa que me colocava um sorriso durante as aulas era o badminton sem duvida. Tirava sempre má nota mas insistia em jogar, até nos tempos livres. Raquetes, raquetes, raquetes! E porque tirava eu má nota? Porque insistia em lançar a pena (volante) por cima. Atirava ao ar e batia, não conseguia por baixo de forma alguma e ainda nao consigo. Claro que isso nao existe no badminton, nem sei porque raio a minha cabeça insistia em querer que lançasse por cima. Era como um habito, mas que nao vinha de lado nenhum. Os professores: Ei! Não podes fazer isso! Quem te ensinou a jogar assim? Vais tirar nega se continuares!   Eu: ninguem, ensinaram-me direito mas não consigo, tenho este habito embora nunca tenha jogado antes, sei lá explicar... 
Até os piores alunos conseguiam lançar por baixo e eu nada, mas nunca liguei a este assunto, só me veio á memoria depois da pesquisa que fiz.

-Problemas ao respirar/atração pelo cigarro: Desde que nasci tenho varios problemas a nivel respiratorio, ja fui operada etc... Então eu comentava com o meu amigo que deveria ter fumado muito noutra vida e isto era a consequência (um pouco em tom de brincadeira com sentido). Mas na verdade o cheiro do cigarro agrada-me. Pessoas passam a fumar e eu: humm que cheirinho...   Mas como nao sou estupida ao ponto de fumar, não fumo.

-Dores ao ver cortes/sangue:  Não é algo do tipo: ui tens um corte estou chocada! * voz de enjoada *  é mais ver videos de tiros ou gente a ficar mutilado (normalmente em filmes ou noticias), ver a carne e o sangue exposto. Reação das outras pessoas: "nao quero ver", "que nojo", "vou vomitar" ou e-lhes indiferente. Eu: au, ai, ai! (dores do lado esquero perto do coração, bem na parte mais baixa dele. quase que caio no chão de dor, como se me tivessem a espetar uma faca) Então tambem em tom de brincadeira para o meu amigo, depois de contar isso, cheguei a dizer: Eu noutra vida devo ter levado um tiro aqui ahah.

-Inexplicável atração pelo nome Rachel, que foi usado depois como especie de alcunha para me referir a mim propria. Esse assunto só veio á tona depois das pesquisas que fiz. Até á data nada de anormal.

-Trocar a data de nascimento: Várias vezes em vez de dizer que nasci em 1996 digo quem nasci em 1997. Distração, pensei sempre eu. Mas a pesquisa mudou tudo.

-Gosto músical inexplicável:  Ora aqui está o assunto mais importante! O que me levou a querer saber sobre a vida passada! Eu era criança (obvio), e as crianças são influenciadas pelos pais, familiares, amigos e modinhas etc... Eu deveria gostar de musicas da moda da altura: pop, hip hop, pop-rock e outros estilos mais electrónicos.  A minha familia ouve pimba e pop. Os meus amigos na altura ouviam toda a musica pop da modinha que saía. E tinha uma prima ouvia pop, e eu pedi-lhe para me passar as musicas dela, porque nao tinha como arranjar musicas. Não tinha PC sequer (tinha 11/12 anos). Ela passou-me tudo o que tinha. Resultado: matem-me que eu nao consigo ouvir isto! Sou uma anormal, nao gosto do mesmo que os outros por mais que tente, a musica soa-me porcaria! Porque tenho de ser assim? Se alguem sabe vão me chamar de anormal e achar-me estranha!
Lá fingi que gostava, mas nao ouvia nada. Tinha as musicas a encher só. Tentei ouvir mais que uma vez e nada. Não era o que eu procurava. Eu tinha um sonho desde os 6/7! O meu sonho era que existisse musicas com teclado e guitarra, e é claro aquele tom de magia que passava em algumas musicas na radio (musicas de 80s que nao sabia o que era). Corria para o radio quando dava uma delas, queria parar o radio, tentar gravar, fazer algo para a musica durar sempre e ficar com ela, chamava-lhes de musicas mágicas! Por volta dos 6 anos tive uma cassete VHS que trazia um CD junto, e foi aí que ouvia a banda Asia, pela primeira vez. Foi como uma porta para tudo. Eu fiquei euforica com a musica. Ouvi aquilo por dias e anos. Era a unica coisa que eu gostava de sempre. Mas os meus amigos diziam que nao havia um estilo musical com musicas com guitarras e teclado, e eu como achava o mesmo, nao fui procurar. Achava que havia só 1 ou 2 musicas por aí assim, as tais mágicas. Mandaram-me fazer um trabalho na escola sobre um idolo musical, toda a gente tinha um menos eu. O Rod Stewart tinha lançado album de exitos 1 ano antes e eu tinha visto adorado e comprado. Não era um idolo mas foi o que se arranjou de melhor. Aos 14 acidentalmente descobri de facto a musica de 80s e vi que era aquilo que procurava desde criança. Mas faltava algo... Então os 80s introduziram-me ao hard rock/heavy metal de 80s. Foi um video de compilação com varios fragmentos de musica que eu vi por curiosidade porque nao sabia o que era. Chorei chorei chorei... "Era isto! Era isto..... " Queria ouvir tudo ao mesmo tempo. Foi o melhor dia da minha vida. Pessoas perguntam-me como comecei a gostar de 80s e como os descobri. E eu respondo: Toda a vida os procurei, ninguem nos mostrou, os meus pais nao gostam e sempre odiaram o facto de eu ouvir isso e nao musicas "normais" da atualidade como os outros jovens.
Mas porquê tudo isto? Eu deveria agir com uma criança normal e aceitar tudo o que a mídia dava, e nao ter o sonho de encontrar musica com certos padroes, e dizer que toda a musica da actualidade era uma porcaria, sem ter quais queres influencias de lado algum! Agora sim algo muito profundo e misterioso.

Ódio por Metallica: Depois das musicas para o Pc que a minha prima passou, lá arranjou ela musicas novas para o telemovel. "Queres que te passe?" "ok....."   Lá estava mais umas musicas pop intragáveis e... Metallica? Sim, estava lá Metal de facto. Ouvi uma musica (a unica que la tinha deles) e pensei: Bem, não é mau. Tem guitarras e tal... * o vocalista começou a cantar * Não sei porquê mas agora sinto-me com raiva, muita raiva, irritada...
Sim de facto ficava irritada com algo naquela musica. Deixei passar. Tempos mais tarde ouvi musicas do mesmo genero e nao sentia nada disso. Então em vez de capas de albuns resolvi ver a "fronha" deles. Olho para o vocalista, o James, e sinto uma vontade de lhe bater enorme e inexplicável. Era ele que me irritava afinal de contas! Tenho varias coisas contra varios artistas, por atitudes deles que nao me agradam, mas este caso é estupido sinceramente, porque não sabia nada dele e já o detestava sem razão. Muito mais tarde, ha uns 2 anos estava a ler sobre os conflitos de 80s e de facto Metallica armar conflito e desdenhar a maior parte das bandas do estilo que ouço. Ora bem, continuam as coincidencias.... só coincidências nao é?

-Morte nos anos 90/ banda e declínio da fama - Com tudo isto da música eu e o meu amigo concordamos que se eu tive vida passada eu vivi em 80s, tive uma banda e fama, e era homem. Primeiro, viver em 80s acho que é obvio pelo que foi dito acima, embora tenha atração por 50s tambem mas nao tao forte (acho que os 80s foram um remake dos 50s portanto agrada-me). Segundo, ter uma banda não é um sonho mas sim uma necessidade, mas nao tenho porque sou mulher e não gosto de ver vocalistas femininas em bandas do genero, daí achar ter sido homem, para além de ter várias atitudes masculinas que todos notam menos eu porque achava este tempo todo que agia normal para uma miuda. E sim, não tenho nenhuma atração em especial por um instrumento mas sim pelo canto e compor musicas. Cheguei a dizer ao meu amigo que ter virado mulher era uma especie de castigo, e no tom de gozo disse que devia ser por ter "usado" as mulheres, ser mulherengo. A fama... eu sinto a fama sem ter fama e procuro o luxo sem ter luxo, ás vezes esqueço-me que nao sou rica e tenho atitudes e formas de falar que até enganam quem não me conhece e leva a pensar que sou abastada. Sinto que era adorada sem o ser nesta vida, e sinto que perdi a fama que possivelmente teria com uma banda, até falei em ter ficado sem banda. A parte da morte em 90s partiu de uma logica simples: vivi os anos 80 todos e o que me fez perder a fama foi os 90s, porque o grunge rock "matou" toda a popularidade das bandas de 80s e virou modinha. É um estilo que acho intragável mesmo, e se vivi na altura deveria achar o mesmo. Como o grunge fez as pessoas esquecerem um pouco os 80s só porque viraram moda e todos seguiram a moda sem ligar á qualidade da musica, as bandas de hard/heavy com o som tipico de 80s foram impedidas de gravar albuns e perderam a fama porque nao eram grunge e o grunge era o que estava na moda e dava dinheiro. "Ou seja vivi 80s, em 90s perdi a fama e morri 1 ou 2 anos antes de existir nesta vida", especulei eu com o meu amigo. "Talvez morte por tiro,e nao sei porque acho que foi no inverno, fim de dezembro ou inicio de janeiro, porque eu sinto-me mesmo triste nessa altura do ano", acrescentava sempre eu. Lips Sealed 

Tudo teorias da treta e tal mas tentei descobrir algo. Procurei por músicos assassinados em 90s e nada. Procurei assassinados desde sempre e nada! E agora pergunto-me: porque raio fui eu ha 1 mês encontrar do nada um tipo que nunca me tinha aparecido á frente, que morreu em 1994, baleado, vocalista de hard/heavy, e que ainda por cima ele tinha morrido no mesmo dia e mês em que eu estava nesse dia!? Fiquei horrorizada! Agora vou buscar os meus topicos e juntar aos topicos dele para verem as coincidências.

- Ele tinha cabelo loiro arruivado e olhos claros -> nasci com cabelo ruivo e olhos claros

- Ele era vocalista, escrevia letras de musica  -> escrevo letras de musica desde criança, e é preciso uma certa habilidade na escrita para o efeito. Sem duvida cantar é a coisa que melhor se encaixa em mim, canto desde criança (achava que cantava mal e sentia-me mal e preocupada com isso, o que nao é algo que preocupe as outras crianças em geral)

-A mãe dele era professora de danças de salão -> tenho um carinho pela dança e especulei que viesse de uma mãe noutra vida e nao de mim propria.

-Ele jogava ténis, onde a bola é lançada por cima. ->  Eu adorava badminton (achava eu) mas o que estava a fazer na verdade era tudo movimentos de ténis e nada de badminton, o que descobri recentemente.

-Ele fumava, fumava muito... -> problemas a respirar e atração pelo tabaco.

-Foi baleado perto no coração por resistir a tentativa de carjacking  ->  dores perto do coração ao ver cenas chocantes que envolvem sangue, dor e carne exposta. Tenho carta ha 2 anos mas nao ando de carro sozinha porque nunca me sinto segura.

-A sua primeira banda chamava-se Rachel   ->  Atração pelo nome Rachel que é usado como alcunha minha ha alguns anos.

-Nasceu em 1957 e morreu em janeiro de 1994   -> troco o 96 pelo 97 na minha data de nascimento, morreu no inverno e pouco antes de eu existir, como eu previa.

-Ele gostava bastante de 50's mas teve a sua carreira em 80s, como vocalista de hard/heavy metal  ->   inexplicável procura pelo 80s, recusa da musica atual e um grande carinho por 50s, dizendo que 80s se tratava de um remake de 50s. O estilo de musica que ele compunha é o meu estilo preferido. Inclusive uso roupa idêntica á dele e tal como ele gosto de motos harley davidson, na qual ambos temos uma t-shirt com o simbolo da harley.

-Teve uma banda em 80s, em 90s perdeu um pouco a fama porque estava sem banda. Era  adorado por muitos, diziam que ele tinha sido feito para o palco. Andava sempre acompanhado de mulheres, e sempre diferentes. Não era pobre mas ainda ficou com mais dinheiro e fama.  -> tal como especulei, poderia ter tido uma banda e perdido a fama em 90s. Achava que ter virado mulher nesta vida era castigo por ser mulherengo na anterior. Sensação de luxo e popularidade que nunca existiu nesta vida.

E depois disto tudo ainda o encontro no dia exacto em que morreu?? Chamem-me conspiradora, paranóica até! Mas isto é estranho! Ok ok podem ser só coincidências aos potes... Quem sabe... Ou será que não? 
Digam-me o que acham  Wink , e desculpem pelo testamento e por nao meter acentuação em quase nada, era muita coisa e não dava tempo, estive 3h a escrever  laugh  ahahah, já estava para o fazer ha uns dias, tenho um nó na garganta com isto tudo...  Undecided 
Faça o login ou registe-se para Gostar.
Registado
pub

  Tópico: Será que encontrei a minha vida passada? Resposta #1Fevereiro 02, 2016, 11:04:34
Supremo
*****


Mensagens: 6580
Apreciações: 5685
Referidos: 2

membro 3745
Feminino
» Resposta #1 em: Fevereiro 02, 2016, 11:04:34

Com tanta coincidência é possível que seja uma vida passada.
Faça o login ou registe-se para Gostar.
Registado

Iei Or (faça-se luz)
Shalom Aleichem

  Tópico: Será que encontrei a minha vida passada? Resposta #2Fevereiro 02, 2016, 11:21:58
Guru
***


Mensagens: 1029
Apreciações: 2300
Referidos: 0

"Deus é bom o tempo todo"
Feminino
» Resposta #2 em: Fevereiro 02, 2016, 11:21:58

Muito interessante. São muitos detalhes para não ser nada.
Muitas pessoas conseguem se lembrar de outras vidas e outras conseguem ver lampejos de vidas passadas durante a meditação.
Por que você não tenta?
Mal não fará!

Faça o login ou registe-se para Gostar.
Registado

  Tópico: Será que encontrei a minha vida passada? Resposta #3Fevereiro 02, 2016, 12:55:39
Moderador Global
*****
Vencedor do Desafio Cartas de Amor - Outubro de 2010


Mensagens: 4979
Apreciações: 4648
Referidos: 1

membro 559
» Resposta #3 em: Fevereiro 02, 2016, 12:55:39

Mas... a ser assim, ele teria de ter encarnado de imediato após a morte....
Faça o login ou registe-se para Gostar.
Registado

  Tópico: Será que encontrei a minha vida passada? Resposta #4Fevereiro 02, 2016, 13:14:41
Mestre
****


Mensagens: 2181
Apreciações: 3729
Referidos: 0

Feminino
» Resposta #4 em: Fevereiro 02, 2016, 13:14:41

Bem isso é que foi investigar😁, mesmo nao tendo a certeza de quem foste, o que importa é o presente, não te ligues demasiado a quem foste, mas a quem es actualmente...eu tambem andei durante um tempo a procura de quem fui, embora não tenha chegado a alguem em especifico, consegui chegar muito perto, até que percebi que não é importante quem fui, mas quem sou hoje em dia.
Faça o login ou registe-se para Gostar.
Registado

"Um dia eu lhe disse para esconder o seu coração... Você deveria ter escutado"

  Tópico: Será que encontrei a minha vida passada? Resposta #5Fevereiro 02, 2016, 22:16:22
Avançado
**


Mensagens: 138
Apreciações: 250
Referidos: 0

Shame On The Night
» Resposta #5 em: Fevereiro 02, 2016, 22:16:22

Mas... a ser assim, ele teria de ter encarnado de imediato após a morte....
1 ano depois, sim, se assim o fosse claro. E daí eu achar que por isso é que várias "marcas" de outra vida passaram para esta. Mas podem ser só coincidências claro... embora que estranhas. Sempre tentei não ligar a isto tudo mas as pessoas começam a estranhar várias coisas, principalmente de onde vieram os meus gostos e genética, por vezes não acreditam na verdade.

Muito interessante. São muitos detalhes para não ser nada.
Muitas pessoas conseguem se lembrar de outras vidas e outras conseguem ver lampejos de vidas passadas durante a meditação.
Por que você não tenta?
Mal não fará!


Eu tentei a regressão com o audio que encontrei por aqui. Tentei umas 3 vezes. Não vi nada, e tinha de fazer um esforço enorme para não me rir quando nao via nada, porque o narrador continuava a falar: olhe para os pés, mãos...     E eu pensava: mas se eu vejo tudo preto, queres que olhe para as mãos como? Cheesy   Muito difícil para mim.

Bem isso é que foi investigar😁, mesmo nao tendo a certeza de quem foste, o que importa é o presente, não te ligues demasiado a quem foste, mas a quem es actualmente...eu tambem andei durante um tempo a procura de quem fui, embora não tenha chegado a alguem em especifico, consegui chegar muito perto, até que percebi que não é importante quem fui, mas quem sou hoje em dia.

Eu comecei a pesquisar a vida passada porque a minha vida é estranha e sinto-me ninguém nesta vida. Bem, se fui alguma coisa na outra vida, pelo menos fico mais consolada. O tanto que as pessoas se chegavam a esse vocalista e o tanto que o adoravam, é a mesma porção de pessoas que se afastam de mim e que não gostam de mim sem razão alguma. O estranho é que temos as mesmas qualidades e mesmo assim as pessoas afastam-se, ignoram etc... Até as pessoas com os mesmos gostos que eu quando me vêem não sentem vontade em me conhecer, e como as pessoas que não gostam das mesmas coisas que eu fazer o mesmo porque nada nos liga... bem, que vida fabulosa... :/ Eu sinto que não sou daqui, a serio, parece que fiquei presa a um passado que nem sequer vivi (nesta vida) ...

Com tanta coincidência é possível que seja uma vida passada.
Provavelmente está relacionado. Quem me dera que assim não o fosse, que pudesse ter começado do zero sem sentir necessidade de coisas passadas, ter esquecido tudo... Porque agora não sinto que pertenço aqui, sinto que perdi algo. As pessoas dizem que se quero amigos, que volte para 80s para os arranjar. E têm razão, quem no seu perfeito juizo, sendo jovem vai ligar a algo que passou há uns bons anos, coleccionar vinis e se vestir á época? Ainda por cima não interessa a ninguém mesmo. As poucas pessoas jovens que ligam foi por influencia quase forçada dos pais, e de resto só pessoas com 30/40 anos... E de repente, apareço eu e surpresa! A procurar algo que nem sabia se existia, algo que parecia apenas inventado por mim, e que no final de contas ainda sou reprimida por gostar do que gosto por pessoas de 40 anos, só porque pareço uma anormal ao não gostar de musica da actualidade. Bem, mas como 80s virou modinha, agora também menos mal, não me sinto tão alien...
« Última modificação: Fevereiro 02, 2016, 22:46:56 por Under_A_Spell »


Faça o login ou registe-se para Gostar.
Registado

  Tópico: Será que encontrei a minha vida passada? Resposta #6Fevereiro 17, 2016, 13:50:43
Moderador Global
*****
Vencedor do Desafio Cartas de Amor - Outubro de 2010


Mensagens: 4979
Apreciações: 4648
Referidos: 1

membro 559
» Resposta #6 em: Fevereiro 17, 2016, 13:50:43

Tente fazer uma regressão com um especialista para tirar algumas dúvidas.
Faça o login ou registe-se para Gostar.
Registado

  Tópico: Será que encontrei a minha vida passada? Resposta #7Fevereiro 18, 2016, 00:48:09
Avançado
**


Mensagens: 138
Apreciações: 250
Referidos: 0

Shame On The Night
» Resposta #7 em: Fevereiro 18, 2016, 00:48:09

Tente fazer uma regressão com um especialista para tirar algumas dúvidas.
Gostava muito oculto! Smiley Mas onde vivo não ha nada disso... Dizem que é caro mas eu não ligo muito ao preços, ligo mais á forma de chegar até essas pessoas que andam tão "escondidas"! eheh Tongue 
No entanto vou procurar mais um pouco agora que me fala!
Seja a primeira pessoa a gostar disto, fazendo login ou registando-se.
Registado

  Tópico: Será que encontrei a minha vida passada? Resposta #8Fevereiro 19, 2016, 01:29:53
Avançado
**


Mensagens: 138
Apreciações: 250
Referidos: 0

Shame On The Night
» Resposta #8 em: Fevereiro 19, 2016, 01:29:53

Novidades deste caso:

É o seguinte, toda a gente que me vê escrever pensa que sou canhota, porque eu escrevo igual a eles meio deitado só que com a mão direita! Como se não bastasse nunca consegui escrever direito com a mão direita, embora tenha-a treinado para escrever desde sempre. Pego no lápis com 4 dedos em vez de 2! E desde sempre me tentar ensinar direito. Contaram-me que quando me ensinaram a escrever, mandaram pegar com 2 dedos e eu só conseguia com 4! Depois tanto os meus pais como os professores deixaram passar. Os problemas que os canhotos têm em borratar o papel e a mão após a escrita eu também o tenho. Sempre que pego em algo pesado prefiro a esquerda, uso ela como se usasse a direita, para muita coisa, com o pé igual. Ao jogar futebol sempre usava os dois pés para rematar ou passar, aleatoriamente, porem sou destra. O engraçado é que se pegar no lápis com a esquerda nao consigo pegar com os 4 dedos mas apenas com dois! Então nas minha teorias acima também tinha pensado na hipótese de ser canhota noutra vida, mas nunca liguei muito a essa hipótese para ser sincera.

Resultado de pesquisas recentes: esse tal homem pelo que vejo nas fotos era canhoto mesmo. Em todas as foto pega objectos com a mão esquerda.
Não há certeza disso, mas uma pessoa que pega com uma única mão numa lata de bebida, com um cigarro equilibrado no dedo por cima da lata e tem a mão direita livre sem fazer nada com ela, não me parece ser destro!  Grin E as teorias continuam eheheh... só mais uma coincidência a acrescentar...  Tongue
Faça o login ou registe-se para Gostar.
Registado

  Tópico: Será que encontrei a minha vida passada? Resposta #9Fevereiro 19, 2016, 01:35:46
Guru
***


Mensagens: 1029
Apreciações: 2300
Referidos: 0

"Deus é bom o tempo todo"
Feminino
» Resposta #9 em: Fevereiro 19, 2016, 01:35:46

Realmente muitas coisas em comum.
Levam mesmo a crer que tens forte ligação com ele.
Para mim, encontraste tua outra encarnação sim, já te disse isso.
Muito bacana!
Faça o login ou registe-se para Gostar.
Registado

  Tópico: Será que encontrei a minha vida passada? Resposta #10Fevereiro 19, 2016, 01:46:44
Avançado
**


Mensagens: 138
Apreciações: 250
Referidos: 0

Shame On The Night
» Resposta #10 em: Fevereiro 19, 2016, 01:46:44

Realmente muitas coisas em comum.
Levam mesmo a crer que tens forte ligação com ele.
Para mim, encontraste tua outra encarnação sim, já te disse isso.
Muito bacana!

Se assim for, deixei uma noiva com o sonho de casar detroçada, não é tão legal assim Tongue eheh
Faça o login ou registe-se para Gostar.
Registado

  Tópico: Será que encontrei a minha vida passada? Resposta #11Fevereiro 25, 2016, 23:48:58
Avançado
**


Mensagens: 138
Apreciações: 250
Referidos: 0

Shame On The Night
» Resposta #11 em: Fevereiro 25, 2016, 23:48:58

Acréscimo ao tópico (que esqueci de falar acima) :

Houve um dia que estava a trabalhar e senti um enorme aperto no coração (embora ele esteja saudável). Fiquei assim por uns 2 minutos, parecia que ia sufocar. Eu quando sinto dores costumo dizer: Estou a ficar velha... ;   Mas nesse dia em vez disso disse: Quem morreu??
Não é costume eu associar isso a morte. Depois estava muito preocupada com quem teria sido...   Lips Sealed
Cheguei a casa e tudo bem. De noite veio a noticia que o vocalista do Motorhead tinha falecido. Eu nem ligo muito a eles porque nunca parei para ouvir bem, e eles são uma banda aclamada por muita gente mais por terem sido primeira banda que ouviram, e nao tanto pela banda em si (embora toquem bem!). Vim á net e comentei isso com o meu amigo. Então depois de falarmos um pouco eu lembrei-me de dizer: "Se eu tivesse sido mesmo adolescente em 70s, eu de certeza seria muito fã deles, porque eram das melhores e poucas bandas de jeito que havia na altura. Será que tive um click da outra vida? ahah" disse eu inocentemente.  laugh
Isto em Dezembro. Sentir uma dor parecida aconteceu umas semanas depois, e eu pensei: nã...não morreu outra pessoa... vou fingir que não se passou nada...
No dia seguinte tinha morrido um familiar meu, que tinha sido ligado ás maquinas no dia antes, mas já tinha sido dado como morte cerebral...  Undecided

Observação: eu não tinha encontrado ainda o tal homem a que o tópico se refere, pois encontrei-o só em Janeiro.  Smiley

Depois de ler sobre e ver fotos do tal homem, encontrei uma foto dele com a t-shirt da banda. Realmente ele era fã. Mais uma coincidência...

Para visualizar as imagens,
por favor registe-se ou entre na sua conta.



Hoje li uma entrevista recente até, que fizeram a uma banda onde ele tocou, e o colega de banda dele descreveu-o. Até me senti um bocado nervosa ao ler... Não vivo a vida do modo que ele vivou, mas tenho as sensações de estar a viver, mesmo não fazendo nada do que ele fez.
Por exemplo, sempre senti que tenho mais força do que tenho, e essa força faz-me forte fisicamente tambem. Sempre achei estranha essa espécie de força interior que era mais forte que a exterior. Faz-me não ter medo de enfrentar quem quer que seja que se meta comigo, e faz-me achar que tenho força para sair por cima mesmo nao a tendo fisicamente...É dificil de explicar. Faço as coisas e só quando correm mal é que me dou conta do que aconteceu e acredito no que se está a passar. ahah sempre conspirei nisso desde os meus 10 anos mas nunca obtive resposta. Tongue
Acho que foi um pouco isso que aconteceu a ele quando enfrentou 2 homens armados que lhe tentavam roubar o carro á força. Só se apercebeu do perigo quando estava a morrer...

Achei partes interessantes na entrevista ao colega de banda dele, tive de traduzir para colocar aqui mas aqui vai:

"Ele e eu sempre gostamos um do outro como pessoas, mesmo não sendo iguais de todo. Ele era um tipo do Sul (...) que conseguia vencer em luta qualquer um que se metesse no seu caminho ou tivesse desrespeitado ele."


"Eu trouxe a minha guitarra e amplificador e disse: "Agora eu vou tocar ao vivo" (...) muitos outros músicos desde: Stryper, Metallica, Pantera, também tocaram o solo ao vivo (...)"  (aqui descobri que possivelmente o tal homem conviveu com os Metallica nesse festival, e como eram estilos bem diferentes, pode haver possibilidade de se terem pegado assim sendo...  laugh )

Mais sobre o sujeito do tópico:
"Ele disse-me uma vez: Jack, eu não quero saber de todos esses guitarristas que tocam um milhão de notas, tu tens um óptimo estilo, porque tu tocas com o coração, como eu."

Aí identifiquei-me muito pois estou sempre a dizer isso sobre bandas....  Shocked  Smiley
O que acham?  Tongue
Faça o login ou registe-se para Gostar.
Registado

  Tópico: Será que encontrei a minha vida passada? Resposta #12Fevereiro 26, 2016, 00:07:33
Guru
***


Mensagens: 1029
Apreciações: 2300
Referidos: 0

"Deus é bom o tempo todo"
Feminino
» Resposta #12 em: Fevereiro 26, 2016, 00:07:33

Depois de tudo...
Inclusive da leitura de olhos...
Acredito que encontrou sim!
Faça o login ou registe-se para Gostar.
Registado

  Tópico: Será que encontrei a minha vida passada? Resposta #13Fevereiro 26, 2016, 00:23:49
Avançado
**


Mensagens: 138
Apreciações: 250
Referidos: 0

Shame On The Night
» Resposta #13 em: Fevereiro 26, 2016, 00:23:49

Depois de tudo...
Inclusive da leitura de olhos...
Acredito que encontrou sim!
Eu ainda estou céptica...
Tenho de falar com a ex noiva dele e fazer duas perguntas a ela... Estou a ganhar coragem só. Depois se bater certo talvez acredite mesmo a valer.
O que me fascina mais mesmo, é a roupa. Eu também corto as mangas ás minhas t-shirts e ando sempre com as mangas compridas dos casacos puxadas para cima. Interessante...
Faça o login ou registe-se para Gostar.
Registado

  Tópico: Será que encontrei a minha vida passada? Resposta #14Fevereiro 26, 2016, 00:30:59
Guru
***


Mensagens: 1029
Apreciações: 2300
Referidos: 0

"Deus é bom o tempo todo"
Feminino
» Resposta #14 em: Fevereiro 26, 2016, 00:30:59

Pois faça-lhe as perguntas!
E nos conte depois!
Faça o login ou registe-se para Gostar.
Registado
  Páginas:   Ir para o topo
Novo Tópico Nova Votação
Ir para:  


Tópicos Relacionados
Assunto Iniciado por Respostas Visualizações Última mensagem
será que está tudo ligado a uma vida passada? « 1 2 »
Terapia de vidas passadas (TVP) e Reencarnação
tvneves 26 4869 Última mensagem Maio 28, 2012, 23:07:03
por dimaosi
Vida passada?
Terapia de vidas passadas (TVP) e Reencarnação
calecute 13 2097 Última mensagem Julho 14, 2010, 17:07:25
por mizzdouradinho
Vida Passada
Terapia de vidas passadas (TVP) e Reencarnação
JaneLee 3 1054 Última mensagem Setembro 16, 2011, 20:38:49
por Flammus
Sonho estranho (será que visitei uma vida passada?)
Significado dos Sonhos e Interpretação
maryjane 10 1306 Última mensagem Setembro 28, 2012, 22:16:15
por nandolux
Será que na vida passada ela morreu ali?
Terapia de vidas passadas (TVP) e Reencarnação
mimi 3 1038 Última mensagem Outubro 11, 2012, 10:26:03
por mimi
Leitura da vida passada ou captação da energia da vida presente
Terapia de vidas passadas (TVP) e Reencarnação
port5al 3 1232 Última mensagem Outubro 19, 2015, 20:04:16
por 169
será um sinal remanescente de uma vida passada?
Terapia de vidas passadas (TVP) e Reencarnação
Arya 9 830 Última mensagem Outubro 13, 2014, 21:15:42
por Yesterdays Soul
Será que numa vida passada vivi em Inglaterra durante a guerra civil?
Terapia de vidas passadas (TVP) e Reencarnação
Beatriz Marques 4 390 Última mensagem Agosto 16, 2015, 03:10:51
por Beatriz Marques